Antonio Carlos Arruda de Toledo (Neto Xodó)


Nesta semana, presto homenagem a Antonio Carlos Arruda de Toledo. Pelo nome ninguém saberá, mas, se eu revelar o apelido, a cidade inteira certamente vai saber. Este realmente segue a regra da frase: “Tietê, terra dos apelidos!”.
Com o homenageado de hoje não tem tristeza. Com todo seu jeito comunicador, o animado Neto Xodó trabalha como operador de piscinas. Na verdade, ele é um profissional que fica responsável pela limpeza geral das piscinas, assim como foi seu falecido pai Luiz Augusto de Toledo. Pai e filho não são iguais somente na profissão, são também na bondade.
Neto Xodó nasceu em 9 de dezembro de 1959, no Sítio Sabaúna, e, ainda menino, veio morar na cidade com seus pais Luiz Augusto e dona Dinorá Arruda de Toledo.
Como esportista, foi atleta do Macalé e bicampeão da Copa Tietê. Também jogou em outros times, como Garcia, Santa Cruz, Comercial, Paulista, Zambianco, América, Conceição e AMA, e adorava bater falta.
No esporte, atua como colaborador técnico, mas também já esteve à frente de equipes campeãs, como a Biatex.
Neto Xodó é um esportista fanático! Quando ele pega para fazer, ele faz e faz bem, pois é movido por desafios. Dedicado, nutre grande amor pelo futebol.
Em campo, junto dos seus jogadores, ele tem habilidades que o permitem, ao mesmo tempo, identificar as fragilidades daquela partida, como também estabelecer estratégias de defesa. Mais que ser perseverante, ele sabe da importância de reavaliar seus desempenhos e aprender com seus fracassos.
Ao popular Neto Xodó, marido de Maria Ângela, pai de Bruna Carla e Kivia e irmão de Marcos Toledo, Ariovaldo e Zito (falecido), registro aqui esta homenagem e admiração.
PIADINHA DA SEMANA – O marido sofre acidente e liga para a esposa:
– “Querida, fui atropelado quando estava saindo do escritório. A Maria levou-me para o hospital. Já me fizeram várias análises e até raio-x. Apesar de ter levado uma grande pancada, minha cabeça não tem lesões graves, mas estou com três costelas partidas, braço partido, fratura exposta na perna esquerda e, provavel-
mente, vão amputar meu pé direito”.
– Resposta da mulher: “Quem é a Maria?”