Moradores cobram construção de ponte no Mandissununga


Prazo de entrega para nova ponte é de 90 dias, segundo a Prefeitura

Nesta semana, a pauta do Cidadão-Repórter vem do bairro Mandissununga, em Tietê. Naquele local, moradores relataram ao Nossa Folha as dificuldades de acesso à localidade devido à ponte da estrada rural estar demolida e sem previsão para ser substituída.
“Faz tempo que a ponte foi destruída, após ser levada pela chuva, e as obras continuam paralisadas. Enquanto isso, para entrar ou sair do bairro, a gente tem que dar uma volta imensa, sendo que a ponte encurtaria nosso trajeto”, disse uma moradora.
Entretanto, o que mais preocupa os residentes do Mandissununga é que não há sinalização indicativa de que a ponte foi destruída e, por isso, motoristas correm o risco de se acidentar ao transitar pela estrada à noite. “Quando o Poder Público vai tomar uma providência antes que o pior aconteça?”, questionou outro morador.
De acordo com a Prefeitura de Tietê, a ponte do Mandissununga foi demolida, pois acabou sendo levada pela chuva e, desde a última semana, tem sido reconstruída a fim de garantir acesso seguro aos moradores.
Quando questionada sobre o motivo pelo qual a ponte ainda não havia sido reconstruída, a Prefeitura informou que a mesma está sendo recuperada e, por se tratar de uma obra grande com infraestrutura, foram realizados estudos para garantir serviço adequado.
Ainda segundo a Prefeitura, a ponte do bairro Mandissununga está sendo totalmente reconstruída, o que inclui alicerces e bases estruturais. Prazo para o término é de cerca de 90 dias. “Todos os cuidados estão sendo tomados para garantir a qualidade e segurança do local”, comunicou.