Moradores unem-se por direito à habitação popular


Projeto visa conseguir por trâmites legais a construção de moradias populares

A Câmara Municipal de Tietê recebeu na quinta, 28 de setembro, a apresentação do projeto Associação Moradia Brasil, em sessão presidida pelo vice-presidente do Legislativo local, vereador Junior Regonha (PRP).
De acordo com os organizadores, projeto visa conseguir, através de trâmites legais, a construção de moradias populares por meio de mutirão na cidade de Tietê.
Ainda segundo os líderes da associação, projeto foi bem visto pelos vereadores presentes (Dau Fabri, Junior Regonha, Ronaldinho locutor e João Carlos Pires Uliana) e, também, pelo secretário municipal de Obras e Planejamento, Adriano Arcanjo Ferreira, que representou o prefeito Vlamir Sandei.
A Moradia Brasil, por meio de voluntários, colocou à disposição da população um telão com transmissão ao vivo, via internet, o qual foi assistido pelos munícipes do lado de fora do prédio da Câmara. Mais de 200 pessoas acompanharam a sessão, além dos internautas.
Na oportunidade, a associação pediu para que o secretário municipal de Obras e Planejamento repassasse todo o conteúdo ali discutido para o prefeito, além de solicitar uma posição de Vlamir Sandei, dentro de 30 dias, sobre o espaço requerido para a construção das casas populares
A Moradia Brasil agradeceu à toda população que acompanhou a sessão na Câmara e, também, aos vereadores e aos voluntários.