Perfil entrevista Thiago Bete


Thiago Roberto Bete de Moraes nasceu em 25 de setembro de 1986, em Tietê, filho de Romualdo José de Moraes e Célia Cristina Bete de Moraes (in memoriam). É diagramador, design gráfico e vendedor. Está noivo de Bianca Padilha Pinheiro e tem a filha  Alicia.
Eu sou? Um sonhador, cheio de esperança.
Sinônimo de beleza? Sabedoria.
Cantor e cantora? Renato Russo e Elis Regina.
Ator e atriz? Denzel Washington e Angelina Jolie.
Sonho? Um mundo perfeito, onde todos possam viver em paz e felizes.
Amor? A solução para tudo.
Solidão? Vazia, o Nada!
Deus? Criador de tudo e de todos.
Religião? Todas! Desde que respeitem com amor as diversidades material, espiritual e formas de pensar.
Filme? Nosso Lar.
Sonho de consumo? Gozar sempre de uma boa saúde.
Defeito? Chatice.
Qualidade? Honestidade.
Lugar? Qualquer lugar, desde que esteja ao lado de pessoas que me amam do jeito que sou e que eu sinta essa reciprocidade.
Lazer? Lar, amigos e um bom filme.
Qual o livro de cabeceira? Bíblia.
Qual profissão teria escolhido sem ser a sua? Contabilidade.
Momento da vida para repetir? Todos os momentos foram e são importantes, mas repetiria somente os felizes e assertivos.
Alegria? Poder experimentar essa passagem maravilhosa pela vida.
Tristeza? Sentimento que experimentado com sabedoria nos torna mais fortes.
Decepção? Só existe quando esperamos algo de alguém que,  na maioria das vezes, nós mesmos não conseguimos ser ou doar.
Receita contra o tédio? Agradeço pela vida que tenho e não pelas coisas que possuo.
Tem saudades do quê? Da minha mãezinha querida Célia Bete e de sua alegria contagiante.
Amizade é? Nas horas mais difíceis ter um amigo ao teu lado.
Amigo(a) especial? Jesus.
Palavra que riscaria do vocabulário? Mentira.
Ídolo? Jesus.
Frase? A compreensão é a chave da harmonia.
Nota 10 para: a caridade.
Nota zero para: a corrupção dos corações pela ganância.
Grande homem ou grande mulher? Todos aqueles que lutam pela felicidade de sua família.
Planos para o futuro? Aceitar cada vez mais o que Deus tem para minha vida.
Recado? Agradeço ao Nossa Folha pelo convite e espaço. Trabalhei bom tempo com jornal e conheço todo processo e desafios que se tem para produzir o exemplar semanário. Vocês estão de parabéns pelo belíssimo trabalho! Dizer, também, que sempre devemos nos lembrar que não adianta ficarmos reclamando das coisas ruins desse mundo. Pois, se acreditamos que podemos ser e fazer melhor, então, que paremos de falar e façamos! Deus nos abençoe e tenhamos um excelente dia. Obrigado!