Preso filho que agrediu pais idosos em Tietê


Caso ocorreu na Vila São Geraldo, quando o agressor de 43 anos chegou bêbado e colocou o pai e a mãe para fora de casa

Em Cerquilho, cão de faro Junior localizou tijolos e porções de maconha no Vale do Sol

Em Tietê, na quarta, 27 de setembro, a Justiça decretou a prisão preventiva de um homem de 43 anos, suspeito de agredir e ameaçar os pais, de 67 e 64 anos, residentes na Vila São Geraldo.
De acordo com a polícia, o pai do indiciado precisou ser levado ao Pronto Atendimento da Santa Casa de Tietê devido às agressões.
Policiais foram até o local e encontraram os idosos fora da casa. A mãe disse que o filho residia em Piracicaba e que há 20 dias estava morando na residência com eles. Entretanto, ainda segundo a mãe, o filho, que é alcoólatra, chegou do bar alterado, gritando, deu socos no pai e deixou os dois fora de casa.
Para a polícia, o indiciado afirmou que havia tomado três doses de pinga com alguns amigos e que depois não lembra do que aconteceu.
Suspeito, que já tem passagens por embriaguez ao volante e furto, foi autuado por lesão corporal, violência doméstica e ameaça. Caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Tietê.
APREENSÃO DE DROGAS – Em Cerquilho, na quinta, 28 de setembro, por volta das 13 horas, guardas civis municipais do Grupo de Operações com Cães (GOC), em patrulhamento de rotina, foram informados por um munícipe sobre a existência de tráfico de drogas no Vale do Sol.
A fim de verificar as informações, a equipe do GOC foi até o referido local, que se tratava de uma residência em construção, e com auxílio do cão de faro Junior, localizou uma sacola plástica contendo três tijolos e mais 30 porções de maconha embaladas em plástico transparente.
Diante dos fatos, as substâncias foram apresentadas no plantão policial.
PORTE DE ENTORPECENTE – Em Cerquilho, na quinta, 28 de setembro, às 11h15, guardas civis municipais do GOC, em patrulhamento pelo Residencial Corrocher, receberam a denúncia de populares de que havia um homem de motocicleta portando arma de fogo.
Sabendo das características do suspeito, a equipe do GOC iniciou a averiguação e identificou o homem de 19 anos. Dando sequência à abordagem, foi realizada busca pessoal e encontrada uma porção de maconha. Mediante os fatos, foi conduzido ao plantão policial, onde permaneceu à disposição da justiça.
SENTENÇA – Luiz Felipe Furquim Carriel, de 19 anos, foi condenado a 11 anos de prisão por ter assassinado, com um golpe mata-leão, o namorado Josimar César Castanho, de 25 anos, que era morador de Cerquilho. Sentença saiu na última semana na Justiça de Itapetininga.
Crime ocorreu em 13 de maio do ano passado em uma pensão localizada no Centro de Itapetininga. Na época, a polícia obteve imagens das câmeras de segurança da pensão e constatou que um jovem suspeito havia entrado e saído do local.
Após investigações, policiais foram à casa do suspeito, no Jardim Bela Vista, e encontraram as mesmas roupas que apareceram nas imagens das câmeras de segurança. Rapaz confessou o crime e contou que mantinha relacionamento amoroso com a vítima, que não teria aceitado o término do relacionamento e havia ameaçado contar à namorada do acusado e família sobre o relacionamento dos dois.
Desesperado sobre descobrirem o namoro homossexual, criminoso decidiu matar a vítima marcando um último encontro e o estrangulando com o golpe.
PRISÃO – Em Cerquilho, na terça, 26 de setembro, por volta das 13h15, após ser acionada, a Polícia Militar (PM) dirigiu-se até a rua dr. Campos, no Centro, para atender ocorrência de roubo a veículo.
Aos policiais, a vítima informou que havia sido roubada por dois indivíduos que estavam com arma de fogo, os quais levaram consigo o carro e pertences pessoais.
Então, os policiais questionaram se juntos dos objetos pessoais estava algum celular e, tendo como positiva a resposta, iniciou-se o rastreamento do aparelho e, possivelmente, do veículo.
Localização foi transmitida aos policiais militares das cidades de Rafard e Capivari, os quais obtiveram êxito em avistar o veículo e abordar os criminosos.
Os mesmos indivíduos que praticaram o roubo do veículo em Cerquilho também efetuaram um roubo a um estabelecimento comercial em Capivari. No entanto, a comunicação eficiente e o trabalho em conjunto das Polícias Militares dos vários municípios envolvidos foi determinante para o sucesso de ambas as ocorrências.
Criminosos são moradores de Porto Feliz e permanecem à disposição da Justiça.
ESTELIONATO – Também em Cerquilho, na sexta, 22 de setembro, por volta das 13h45, a PM foi acionada e compareceu à agência da Caixa Econômica Federal após informações de que um homem havia tentado sacar dinheiro do PIS usando documento falso e havia sido detido pelo vigia do banco.
Enquanto os policiais conversavam com o suspeito no interior da agência, outro homem entrou no banco procurando pelo suspeito. Neste momento, o vigia reconheceu o segundo rapaz, o qual havia feito um saque em data anterior. Desse modo, os policiais militares também o detiveram.
Em pesquisa através da Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp), foi constatado que eram falsos os documentos apresentados pelos homens.
Diante dos fatos, foi dada voz de prisão aos acusados, os quais foram apresentados à Delegacia de Polícia Federal de Sorocaba, onde a autoridade policial ratificou a voz de prisão dada pelo condutor e expediu o recibo de entrega de preso. Indiciados permanecem à disposição da Justiça.