Quem disse?


Não, não precisamos ser fortes todos os dias! Ainda que o mundo exija que devemos mostrar uma frieza como sinônimo para ser forte, sabemos que nada é tão fácil assim. Nem só de sorrisos se constrói uma vitória, pois as lágrimas fazem parte do caminho que seguimos. Desse modo, não carregue o peso do mundo nas suas costas. Carregue tudo aquilo que, de verdade, é essencial para você, e não se esqueça nunca de que o seu coração precisa de um espaço privilegiado para você mesmo.
E se precisar chorar, chore, porque só os mais fortes se permitem fazer isso. Aquela ideia de que as lágrimas devem ser “engolidas” e que chorar não serve para nada, muitas vezes pode nos causar, na verdade, problemas emocionais muito sérios. Fato de “não chorar” envolve, às vezes, não demonstrar o que sentimos e nos esconder sob aparências falsas. Empenhar-se em aparentar estar bem, escondendo sentimentos e problemas, no fim das contas, não apenas irá esconder suas emoções do mundo, mas também de si mesmo.
Lembre-se que as emoções que se ocultam são problemas que não enfrentamos. E um problema não solucionado é uma emoção que acaba sendo somatizada em forma de dor. Por isso, não se pode ser forte todos os dias, assim como ninguém pode esconder seu mal-estar ou tristeza durante toda a sua vida. Não é saudável nem higiênico! Você deve se permitir este instante de alívio no qual as lágrimas atuam como autênticas liberadoras de estresse. Ninguém sabe melhor que você o que investiu para estar onde está e ao que você teve que renunciar por pessoas que você ama. E tudo isso foi feito por livre e espontânea vontade, pois era o que você desejava.
Além disso, é normal na vida ter dias nos quais você se cansa de ser forte, de levar tudo nas costas. Assim, é importante estabelecer limites e dar à vida somente aquilo que podemos oferecer. Afinal, quem disse que você deve ser forte diante de uma sociedade que não facilita a vida? Quem disse que você deve mostrar força diante de uma família que nem sempre é fácil lidar?
Então, se permita “ser fraco” de vez em quando, pois você tem direito de dizer que “não consegue lidar com isso ou aquilo” que está além da sua capacidade, que não vai assumir mais responsabilidades das quais já tem. Permita-se de vez em quando dizer que “não consegue mais” e que precisa de descanso. Permita-se pedir respeito, demandar carinho, afeto e reconhecimento.
Nesta vida, todo mundo tem o direito a instantes de alívio pessoal, de buscar um momento de intimidade para pensar em si mesmo, para chorar, para escutar os pensamentos e atender as emoções, para tomar decisões e avançar. Porque a vida é, no fim das contas, isso mesmo. É caminhar por nossos próprios caminhos vitais com o máximo de equilíbrio e bem-estar interior possíveis, sempre.